Isabelle Ribot

Paris, França, 1961

No seu ateliê-residência produz obras que já foram expostas em países como Estados Unidos, Japão, França, Romênia e México. No Brasil, já expôs na Pinacoteca da APM, no MuBe (Museu Brasileiro da Escultura), na sp-arte, e em diversas galerias.

Em 1986, veio pela primeira vez ao Brasil, e o país se tornou uma verdadeira fonte de inspiração. As emoções provocadas pela chegada a São Paulo foram o ponto de partida de seu universo criativo. A experiência intensa e emocional estimulada pela desordem de São Paulo a surpreendeu. A ideia da nostalgia e do futuro coabitarem nesta cidade imensurável a encantou.

Em 2001, após várias viagens para o Brasil, ela decidiu ficar.

Suas criações começam com um texto, um curto cenário, um conto. Isabelle Ribot desenha e pinta suas histórias em telas, ou mais comumente em rolos de papel de até 30 metros, que ao longo do tempo e de acordo com o desejo de quem escolhe, podem ser recortados em fragmentos.

Ao longo desses rolos aparecem personagens pequenos ou grandes, mapas de continentes imaginários e símbolos. A pintura vira aventura, e cada peça oferece várias leituras, assim como finais diferentes, criando uma experiência interativa.

Quer saber mais?

Quero!

 

MENU

Back

Carrinho

Compartilhar